15 de novembro de 2017

Desapego das memórias


Quantas vezes quiseste que o presente fosse tal qual o passado?
E nessas vezes lembraste-te de quem hoje és e outrora não eras?

Há uma constante e imparável mudança a acontecer em nós, dia após dia.
Chega de idolatrar o passado como se fosse um sonho e de rejeitar o futuro como se de um pesadelo se tratasse.
Chega de castigar o que poderá acontecer por causa do que anteriormente aconteceu.
Reviver é o consolo de quem não quer descobrir que pode ser mais feliz do que fora toda a sua vida.
Dá ao hoje e ao amanhã a oportunidade de te surpreenderem. 
Para ser feliz vale sempre a pena correr o risco.
Liberta-te do passado e prende-te ao presente.
Esquece a caixa de memórias que guardas como relíquia, lembra-te de que a vida se vive no agora e que não há bem mais precioso do que ela.


*

15 comentários:

  1. Bom dia

    Quando o coração fala resta apenas entendê-lo no silêncio das palavras
    .
    { Suporta o coração a ilusão, o ódio, o desamor }
    .
    Deixo cumprimentos e os votos de uma Quarta-Feira muito feliz.
    .

    ResponderEliminar
  2. Estas tuas palavras hoje são para mim...
    Grata.

    Bjinhs

    ResponderEliminar
  3. E acima de tudo... viver o presente!

    ResponderEliminar
  4. Belas palavras. Amei... identifiquei-me

    Beijos e uma tarde feliz

    ResponderEliminar
  5. Olá! Passando para conhecer o seu blog, gostei bastante. Gostei muito do texto, principalmente da parte: !Dá ao hoje e ao amanhã a oportunidade de te surpreenderem!" Ficamos às vezes tão presos ao passado que esquecemos de prestar atenção ao presente para formar um futuro melhor.
    Tenha uma boa quinta feira!

    ResponderEliminar
  6. Palavras sábias.
    Para ler e reler, gostei muito.
    Continuação de boa semana, amiga Rita.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  7. Belíssimas palavras, Rita!
    Afinal o presente, é todo o tempo de que dispomos... é injusto compará-lo com o passado, e de nada adianta recear o que nos reserva o futuro... o que apenas nos desgasta, e retira a capacidade de verdadeiramente se apreciar o aqui e o agora...
    Deixando um beijinho, os meus votos de um feliz fim de semana... e avisando, que por estes dias, umas palavrinhas tuas, estarão em destaque, lá no meu canto...
    Tudo de bom!
    Ana

    ResponderEliminar
  8. Cada instante. Como se fosse o último...
    Uma boa semana, Rita.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  9. Olá Rita
    Lindo texto, precisamos aproveitar o presente, vivendo intensamente cada dia. Bjs querida.

    ResponderEliminar
  10. Apesar da saudade dos bons momentos, a vida é agora. Vivemos, então! Lindo texto.

    Beijinhos...

    ResponderEliminar
  11. Olá Rita, belo e soberbo texto... é preciso desapegar do passado, saudade vem e vai, a vida é efêmera, aproveitar o´presente e vivê-lo intensamente!
    Bom findi!

    Bjs!

    ResponderEliminar
  12. Passando só para deixar um beijinho, e os meus votos de um bom domingo e óptima semana... já que continuarei por mais uns diazitos ausente do meu blog... ainda a acompanhar o pós operatório da minha mãe a uma catarata... para que nada se complique por estes dias...
    Tudo de bom!
    Ana

    ResponderEliminar
  13. É isso mesmo Rita, devemos viver em pleno o presente, pois o passado já ficou para trás e o futuro ainda é uma incerteza.
    Beijinhos
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  14. Passando para te deixar um beijinho, bem como os meus votos de Festas Felizes, na companhia de todos os teus...
    Tudo de bom!
    Ana

    ResponderEliminar